sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Agressões a professores; uma triste realidade!

O Sismus presta solidariedade as professoras que foram agredidas esta semana em Maringá (Saiba mais sobre o caso: SISMMAR repudia agressão a duas educadoras da rede municipal). Infelizmente em Sarandi, já houve casos em que profissionais de escolas e CMEIs também foram vítimas de violência verbal ou física. Nossa entidade, se coloca à disposição dos servidores que passarem por situações como esta.

Um ambiente de ensino deve ser espaço de interação, criatividade, desenvolvimento social e aprendizado, a partir do momento em que a violência passa a ser um fantasma em meio as rotinas educativas, o trabalho do professor fica prejudicado, além das cicatrizes emocionais. Assim como o pedagogo Paulo Freire, bem disse, "a humildade exprime uma das raras certezas de que estou certo: a de que ninguém é superior a ninguém", portanto, é importante que pais e professores tenham no diálogo uma forma de solucionar conflitos.